• Jornal Digital ACDA

AMAR É CUIDAR DO OUTRO


«O menino ia crescendo e o seu espírito fortalecia-se. E foi habitar no deserto até ao dia em que se manifestou a Israel.» (Lucas 1, 80)

Num tempo sem heróis quem é que nós admiramos? Quem gostaríamos de imitar? Os ricos? Os poderosos? Se tanto, invejamos as suas riquezas, mas não os admiramos. Admiramos pessoas íntegras e despojadas. Por exemplo, Francisco de Assis, que deixou tudo e foi feliz na sua liberdade. Quem não tem nada não tem medo de nada. Assim João Batista, que celebramos hoje, não tinha medo de nada porque tinha o coração livre. Não nos é pedido que renunciemos a tudo. Mas que libertemos o coração dos bens materiais.


Texto: Padre Júlio Rocha

4 visualizações
acda_cubo.png

Associação para a Ciência e Desenvolvimento dos Açores
Canada de Belém

TERINOV - Parque de Ciência e Tecnologia da Ilha Terceira - Sala B4

9700-702 Terra Chã, Angra do Heroísmo

NEWSLETTER

  • White Facebook Icon
  • White LinkedIn Icon
  • White Twitter Icon

© Associação para a Ciência e Desenvolvimento dos Açores