• Félix Rodrigues

Chuva de estrelas cadentes em Agosto (Perseidas) serão vistas nos Açores sem céu nublado

As Perseidas, chuva de meteoros ou de estrelas cadentes, que parecem irradiar da constelação de Perseus, ocorrerão até ao próximo dia 24 de agosto de 2020. A data prevista para o seu máximo é a quarta-feira, 12 de agosto de 2020. Serão visíveis nos Açores como em todo o país se o céu não estiver nublado. O importante é saber para onde olhar: para a constelação de Perseus.



A chuva de estrelas cadentes ocorre nestas datas porque é a altura que o nosso planeta cruza uma antiga órbita do cometa Swift-Tuttle. A nuvem de partículas sólidas que o cometa ejetou aquando da sua passagem perto do Sol, estão em órbita solar e a terra choca com elas. A maior parte do material presente nessa nuvem tem aproximadamente 1.000 anos, no entanto, existe uma porção relativamente recente de partículas nessa mesma trajetória proveniente da passagem do mesmo cometa em 1862.

Na tabela seguinte apresenta-se a altitude e o azimute para a constelação de Perseus em várias cidades de Portugal.



Texto adaptado por Félix Rodrigues.


2,146 visualizações
acda_cubo.png

Associação para a Ciência e Desenvolvimento dos Açores
Canada de Belém

TERINOV - Parque de Ciência e Tecnologia da Ilha Terceira - Sala B4

9700-702 Terra Chã, Angra do Heroísmo

NEWSLETTER

  • White Facebook Icon
  • White LinkedIn Icon
  • White Twitter Icon

© Associação para a Ciência e Desenvolvimento dos Açores