• Tomaz Ponce Dentinho

Impacto na Economia Regional do Covid-19 na Colombia: Uma abordagem Input-Output

Jaime Bonet‐Morón, Diana Ricciulli‐Marín, Gerson Javier Pérez‐Valbuena, Luis Armando Galvis‐Aponte, Eduardo A. Haddad, Inácio F. Araújo e Fernando S. Perobelli

A Revista de Ciência, Prática e Política Regional publicou um artigo sobre o impacto na economia regional das políticas de controle do Covid-19. https://rsaiconnect.onlinelibrary.wiley.com/doi/abs/10.1111/rsp3.12320

Usando um modelo de input-output, estima-se a perda económica da extração de grupos de trabalhadores formais e informais de diferentes sectores económicos. Os resultados mostram perdas económicas mensais que representam entre 0,5% e 6,1% do PIB nacional, dependendo do cenário considerado. Serviços de habitação, alimentação, imóveis, serviços administrativos, construção e comércio são os sectores mais afectados. Regionalmente, Antioquia, Boyacá, San Andrés, Santander e Valle del Cauca parecem ser altamente vulneráveis a essas restrições.

O Professor Eduardo Haddad e Fernando Perobelli estimaram o modelo Input-Output para as Ilhas dos Açores e para as Províncias de Angola. Com apoio dos Açores e da Angola facilmente estimam o impacto nas economias das ilhas nos Açores e das Províncias de Angola associadas ao Covid. É isso que estão fazer para as regiões do Estado de São Paulo e para os Estados do Brasil.



11 visualizações
acda_cubo.png

Associação para a Ciência e Desenvolvimento dos Açores
Canada de Belém

TERINOV - Parque de Ciência e Tecnologia da Ilha Terceira - Sala B4

9700-702 Terra Chã, Angra do Heroísmo

NEWSLETTER

  • White Facebook Icon
  • White LinkedIn Icon
  • White Twitter Icon

© Associação para a Ciência e Desenvolvimento dos Açores