• Tomaz Ponce Dentinho

Insustentável Irresponsabilidade da Ineficiência do Estado e das suas Empresas


O Estado e as suas Empresas não são do povo que devem servir, mas dos funcionários e empregados que as exploram com as suas regalias que não correspondem ao valor dos serviços que prestam, não pela sua capacidade de trabalho ou da sua gestão, mas pela irresponsabilidade da sua regulação.

É a péssima regulação da TAP e dos transportes aéreos que faz com que não tenha capacidade de concorrer no mercado como fazem as companhias aéreas que conseguem sobreviver num ambiente de concorrência que nos garante preços baixos para viajarmos.

É a péssima regulação do transporte aéreo que faz com que tenhamos preços de viagens a 700 Euros para o Continente sendo ressarcidos de 570 euros que saem dos nossos impostos para a TAP e para a SATA. E apesar dessa exploração de todos nós, hipocritamente justificados pelo serviço público, não aguentam dois meses de crise.

Na TAP, a solução da nacionalização é ainda pior porque o Estado para além de ser mau regulador como deveria é, manifestamente, irresponsável na gestão do transporte aéreo tanto mais quando feito num ambiente de forte concorrência que nos garante preços baixos nas passagens.

Mas se o objetivo é que haja transporte a preços comportáveis porque não deixar o mercado funcionar. Se não sabem regular o serviço público porque não cedem a interesses particulares. Se vivem num mundo irreal de ideologia e catástrofe igualitária porque não estudarem a sério a regulação admitindo que mesmo no Corvo pode haver um táxi aéreo que leve os Corvinos até às Flores, ao Faial, a Terceira e a São Miguel com pilotos e mecânicos radicados na Ilha e que, ainda por cima, seja mais barato do que as passagens da SATA.

Ou imaginarem que, quando a SATA e a TAP falirem amanhã, muito possivelmente surgirão companhias no Porto, em Fátima, em Alverca, em Faro, em Porto Santo, na Terceira e no Corvo capazes de prestarem um melhor serviço daquele que é feito pela TAP ou pela SATA. E até haver empresários Brasileiros que invistam num Hub na Portela, Lajes, Sal, Lobito, Vasco da Gama (Goa) e Díli.

Não nos cansa a irresponsabilidade da ineficiência, mas esvazia-nos os bolsos e, mais grave, esvaziam-nos os sonhos que vemos na realidade.


Tomaz Dentinho

40 visualizações
acda_cubo.png

Associação para a Ciência e Desenvolvimento dos Açores
Canada de Belém

TERINOV - Parque de Ciência e Tecnologia da Ilha Terceira - Sala B4

9700-702 Terra Chã, Angra do Heroísmo

NEWSLETTER

  • White Facebook Icon
  • White LinkedIn Icon
  • White Twitter Icon

© Associação para a Ciência e Desenvolvimento dos Açores