• Félix Rodrigues

Parece já se ter encontrado a solução técnica para os pauis de Santa Cruz da Graciosa

A vila de Santa Cruz da Graciosa é reconhecida pelos dois pauis que se situam em frente à Câmara Municipal da Vila e que há muito tempo que estão sem água. Parece ter-se encontrado uma solução técnica para a sua reabilitação.

Esses pauis, desde há muito muito artificializados e condicionados por edificações, resultam do facto de haver no local condições para a existência de água doce, embora condicionada pelas marés, na estreita laguna que constituía o prolongamento para terra da calheta das Fontainhas.

A vila de Santa Cruz da Graciosa foi-se estendendo para sul e noroeste, desde o seu início, deixando no seu centro a zona húmida que daria origem aos grandes tanques dos pauis e ao Rossio (praça anacronicamente ainda denominada em honra de Fontes Pereira de Melo pelo seu apoio à extinção do vizinho concelho da Praia). Assim, os tanques dos pauis são ícones identitários da Vila, e talvez por isso, os graciosenses, começavam a demonstrar alguma irritação pelo não avanço da obra.



Texto de Félix Rodrigues e fotografia de Herculano Chaves

256 visualizações
acda_cubo.png

Associação para a Ciência e Desenvolvimento dos Açores
Canada de Belém

TERINOV - Parque de Ciência e Tecnologia da Ilha Terceira - Sala B4

9700-702 Terra Chã, Angra do Heroísmo

NEWSLETTER

  • White Facebook Icon
  • White LinkedIn Icon
  • White Twitter Icon

© Associação para a Ciência e Desenvolvimento dos Açores