• Félix Rodrigues

Salvemos o Lince-Ibérico da extinção

Filipe André Moreira, realizou o seu trabalho de projecto de fim de curso (Natureza e Património da Universidade dos Açores) sobre o Lince-Ibérico, acentuando no trabalho aspectos da ecológicos do seu habitat e da conservação da espécie.

O lince-ibérico (Lynx pardinus) é considerado o felino mais ameaçado do mundo e o único considerado Criticamente em Perigo pela União Internacional para a Conservação da Natureza.

Todos nós temos obrigações na conservação da biodiversidade, pois a nossa vida depende dela bem como a de todos os seres vivos. Somos uma sopa simbiótica de vida.

Segundo as investigações mais recentes, actualmente a população total de lince-ibérico está reduzida a cerca de 200 indivíduos adultos, conhecendo-se actualmente apenas duas populações reprodutoras em Espanha, ambas na Andaluzia, nas regiões da Serra Morena Oriental e no Parque Nacional de Doñana. Em Portugal, apesar de actualmente não serem conhecidas populações reprodutoras da espécie, ocorrem registos esporádicos, alguns dos quais de animais provenientes de populações espanholas à procura de novos territórios.

O Lince-ibérico também é português, por isso temos que fazer um esforço conjunto e transfronteiriço para a preservação da espécie que, contrariamente aos humanos, não lhes interessa a fronteira.

Parabéns ao Filipe Moreira pela conclusão desta fase da sua formação académica.



Texto de Félix Rodrigues

39 visualizações
acda_cubo.png

Associação para a Ciência e Desenvolvimento dos Açores
Canada de Belém

TERINOV - Parque de Ciência e Tecnologia da Ilha Terceira - Sala B4

9700-702 Terra Chã, Angra do Heroísmo

NEWSLETTER

  • White Facebook Icon
  • White LinkedIn Icon
  • White Twitter Icon

© Associação para a Ciência e Desenvolvimento dos Açores