• Félix Rodrigues

Vamos continuar com uma tendência média de 190 casos diários

Hoje ultrapassamos a marca dos 55 mil infetados (55 211 casos acumulados) com mais 219 novos casos de infecção por SARS-CoV-2 em Portugal.

O número de óbitos hoje manteve-se semelhante ao de ontem (mais quatro) totalizando-se os 1792 óbitos acumulados. Nesta passada semana continuamos sem excesso de mortalidade relativamente ao mesmo período dos anos anteriores.

Volto a apresentar hoje o meu gráfico das tendências para tentarmos entender se estamos a controlar ou não a infeção. Aparenta que a estamos a controlar mas a tendência é continuar a subir com uma taxa constante, ou seja com um valor médio diário de 190 casos por dia.

Antes do desconfinamento fomos seguindo todas as tendências do gráfico até à linha preta. Se tivéssemos continuado aí, a epidemia teria estagnado por completo. Desconfinámos no início da linha vermelha e com isso originámos uma vaga que tenderia a subir de acordo com essa tendência. A meio dessa tendência, baixámo-la para a tendência a roxo. A meio da tendência a roxo voltamos a baixar a tendência para a linha “verde ervilha”, na qual nos encontramos na atualidade.



Félix Rodrigues

37 visualizações
acda_cubo.png

Associação para a Ciência e Desenvolvimento dos Açores
Canada de Belém

TERINOV - Parque de Ciência e Tecnologia da Ilha Terceira - Sala B4

9700-702 Terra Chã, Angra do Heroísmo

NEWSLETTER

  • White Facebook Icon
  • White LinkedIn Icon
  • White Twitter Icon

© Associação para a Ciência e Desenvolvimento dos Açores